Trends

As principais tendências para o e-commerce em 2023

Investir com toda força possível no e-commerce em 2023 deve ser prioridade para o êxito do seu negócio

Navegue pelo texto

Para o próximo ano, inúmeras tendências devem movimentar o mercado varejista e as expectativas são bastante promissoras.

A pandemia, sem dúvidas, gerou um cenário que mudou os hábitos de compra dos consumidores online, o que fez o e-commerce crescer bastante. Conforme um estudo da consultoria Ebit | Nielsen, o comércio eletrônico ganhou 13 milhões de novos consumidores.

Isso, porém, não parou por aí. De acordo com um levantamento da Cupom Válido1, o Brasil lidera o ranking de crescimento quando se trata de vendas online: 22,2% só no ano de 2022. E os cenários futuros são promissores, já que a previsão de crescimento entre 2022 e 2025 é de 20,73%.

Por conta disso, acompanhar e implantar as principais tendências para o e-commerce em 2023 será um diferencial. Um levantamento da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC) revela que 70% dos consumidores brasileiros têm planos de comprar ainda mais pela internet, ou seja, uma mudança de hábito em relação ao que era verificado antes do isolamento social e das mudanças provocadas pelo coronavírus no planeta.

Para se ter uma ideia da boa fase do e-commerce, 72,2% das compras realizadas no Brasil no primeiro trimestre de 2021 foram on-line – totalizando R$35,2 milhões. Não por acaso, o país ocupa a 4ª posição entre as nações que adotaram novos hábitos de consumo desde o início da pandemia, de acordo com o estudo “Changes after Covid19, Global”.

Por essas e outras razões, estar por dentro das tendências para o e-commerce em 2023 é mais que necessário. Para quem busca empreender sem ter altos custos iniciais no processo, com certeza essa é uma boa pedida. O bom aquecimento do mercado, de acordo com a consultoria italiana Finaria, sinaliza que as vendas no varejo de e-commerce global devem chegar a US$3,4 trilhões em 2025. É hora de investir!

As principais tendências para o e-commerce em 2023

  1. Aposte na experiência por voz

Entre as tendências do e-commerce para 2023, destacam-se as compras realizadas por meio dos recursos de voz. Da pesquisa até a aquisição de um produto ou serviço, essa já é uma realidade na jornada do usuário.

Uma pesquisa recente da Juniper Research revela que, ao término do próximo ano, as transações via comércio por voz aumentarão US$4,6 bilhões – com a possibilidade de chegar a US$19,4 bilhões até 2023.

  1. Invista em novas formas de pagamento

Você até pode ter sido eficiente em atrair os consumidores certos e fazê-los chegar até o momento de fechar o carrinho. O problema é que eles, ainda que queiram comprar um produto, podem apresentar objeções quanto à forma de pagamento.

Por isso, entre as tendências para e-commerce em 2023 que você precisa adotar, está disponibilizar as melhores opções para os consumidores pagarem a compra. Quanto mais praticidade houver, maiores as chances de conversão.

Simplificando em ações práticas, o recomendado é que você aposte QR codes, cartão de crédito, carteiras digitais, WhatsApp Pay, boleto bancário e Pix. A propósito, de acordo com uma pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas e do Serviço de Proteção ao Crédito, 70% dos brasileiros usam o Pix como forma de pagamento2.

  1. Inteligência artificial faz a diferença

Não à toa, a inteligência artificial é um dos destaques entre as tendências do e-commerce para 2023. Se aplicada a chatbots, a ferramenta garante agilidade no atendimento, é excelente para tirar dúvidas, apresentar produtos e até mesmo para efetivar vendas. Também tem papel essencial no cross sell. Isso sem falar na possibilidade de implantação de um sistema de busca e de vitrines inteligentes, que levam em conta o comportamento de navegação do usuário.

  1. Aprimore suas vendas via redes sociais

O Social Commerce, que se trata da venda de produtos por meio das redes sociais, é uma das grandes tendências para e-commerce em 2023. Se você ainda não o trabalha em sua loja virtual, saiba que 80% dos varejistas online usam essas plataformas3.

Além disso, segundo uma pesquisa feita pela Opinion Box, 35% dos usuários do TikTok, uma das redes sociais em maior ascensão no momento, já compraram ou contrataram produtos que descobriram nela4.

  1. Ofereça a experiência da realidade aumentada

De acordo com um levantamento da SearchNode, 35% dos potenciais clientes comprariam mais on-line diante da possibilidade de experimentar um produto antes. Por isso, entre as tendências do e-commerce para 2023, o investimento em realidade aumentada é recomendado.

A tecnologia, que incorpora elementos dos mundos virtual e físico, estimula a interação e a possibilidade de experiência do consumidor. Um exemplo de aplicação é a chance de provar óculos e até mesmo móveis no ambiente a partir do uso da câmera de um dispositivo móvel.

  1. Não duvide da força dos smartphones

Entre as tendências do e-commerce para 2023, não dá para menosprezar os smartphones, ou seja, invista em uma loja virtual mobile first – com boa navegabilidade. De acordo com uma pesquisa da Panorama Mobile Time e Opinion Box, 91% dos brasileiros que possuem smartphone já fizeram compras on-line por meio do dispositivo. Na busca por conversões e para impactar positivamente a experiência do cliente, essa é uma aposta recomendada. 

  1. Nova jornada de compra do consumidor

Durante a jornada do cliente no e-commerce, existem determinados aspectos que o influenciam a avançar na compra ou, então, desistir. O truque, portanto, é saber como criar os cenários capazes de aumentar a conversão em vendas.

Em uma pesquisa feita pelo Google5 descobriu-se que há alguns gatilhos que influenciam positivamente a decisão de compra do comprador online.

Alguns deles são o gatilho da autoridade, quando os consumidores ganham mais confiança para comprar um produto porque vêem um especialista no assunto falando a respeito, e o gatilho da escassez, que acontece quando o vendedor coloca um prazo curto para estimular a compra.

  1. Chatbots com inteligência artificial

Os chatbots, sistemas de conversas automatizadas fundamentados com inteligência artificial, geram benefícios que os tornam uma das mais promissoras tendências para e-commerce em 2023.

Com eles, os clientes conseguem, dentre vários benefícios, obter respostas mais rapidamente, fator indispensável na hora de comprar algo.

Aliás, em um relatório da Zendesk6 em parceria com a Dimensional Research®, 86% dos entrevistados disseram que esperam que o atendimento seja mais rápido do que era há 5 anos, ao passo que 96% disseram que ter uma resposta rápida no atendimento é importante na hora de decidir comprar ou não de uma empresa.

  1. Experiência omnichannel

Quer um empurrãozinho para se interessar por criar uma experiência omnichannel o quanto antes em seu e-commerce? Aqui está: 60% dos consumidores mudam de canal de contato durante uma experiência com uma empresa7, por isso é crucial que se proporcione uma experiência omnichannel para eles.

Quando digo isso, me refiro a usar tecnologia para fazer integração da loja virtual com a loja física, desenvolver uma logística que possibilite uma fácil distribuição de produtos entre diferentes pontos de contato, promover atendimento livre de atritos em canais e treinar os vendedores.

  1. Experiência de compra personalizada

Ao personalizar a experiência de compra dos consumidores, você consegue conquistar os clientes de forma mais assertiva. De forma prática, você entende as preferências e particularidades deles e, dessa forma, consegue personalizar campanhas, cupons e ofertas.

Os benefícios que você pode proporcionar ao seu e-commerce são vários. Segundo pesquisa da Epsilon8, 80% dos consumidores dizem que têm mais chances de comprar das empresas que oferecem uma experiência personalizada, ou seja, aquelas que focam em desenvolver um e-commerce de relacionamento.

E mais: ainda conforme a mesma pesquisa, 90% acham a personalização atraente, o que faz desta uma das tendências para e-commerce em 2023 que você precisa utilizar para impulsionar os seus ganhos.

  1. Live e-commerce

Outra estratégia que faz parte das tendências para e-commerce em 2023 é o live e-commerce: você basicamente inicia uma transmissão ao vivo para criar uma experiência de compra aos consumidores que estiverem assistindo.

Se você precisa de um aperto de mão que assegure que investir nessa estratégia vai aumentar os seus lucros, basta olhar para os dados obtidos pelo Grupo Bittencourt, uma consultoria para franquias e redes de negócios. Eles revelaram que a taxa de conversão que se pode conquistar com a live e-commerce é superior a do e-commerce tradicional9.

  1. Soluções logísticas mais eficientes e rápidas

A logística é outro aspecto do e-commerce que você deve dedicar bastante atenção, afinal, quando bem feita, favorece o crescimento do seu negócio de diversas maneiras: controle de estoque, planejamento de vendas, cálculo de frete e empacotamento de produtos.

Portanto, investir em soluções logísticas também é uma das tendências para e-commerce 2023 que você não pode esquecer de aplicar.

Em termos práticos, recomenda-se que você utilize, por exemplo, a solução de rastreamento de entrega em tempo real. Com ela, é possível ficar por dentro de quaisquer contratempos e, em seguida, elaborar estratégias que evitem essas dores de cabeça e deixem as entregas mais eficientes e rápidas.

Outras soluções que você pode investir são o cálculo de frete automatizado, para garantir ao cliente a possibilidade de escolher a transportadora que ele achar mais adequada para o envio, a roteirização inteligente, essencial para o planejamento de rotas e separação nas coletas, e o uso de um sistema eficiente, que ajuda a gerenciar a entrada e saída de itens.

  1. Same Day Delivery

O Same Day Delivery é uma modalidade de entrega que se caracteriza por ser feita no mesmo dia da compra. Isso, como você já deve imaginar, é algo que vai atrair os consumidores (porque se encontrarem uma oportunidade de agilizar a entrega para usarem o produto que compraram o quanto antes, é exatamente o que vão querer).

Disponibilizar essa modalidade em seu e-commerce, portanto, favorece o aumento de vendas. Conferindo o infográfico da Invesp10, você vai descobrir que 49% dos consumidores disseram que o fato de eles poderem receber o que compraram no mesmo dia aumentam, sim, as chances de fecharem a compra.

  1. Drones entregadores

Entre as tendências para e-commerces em 2023 que diversas empresas também estão de olho, estão os drones entregadores.

Ainda que não sejam usados de forma consolidada no mercado, já que demandam certo investimento, licença e treinamento para utilizá-los, até 2028, conforme dados da Emergen Research11, o mercado de entrega por drone deve movimentar por volta de 18,65 bilhões de dólares em todo o mundo.

  1. Clube de assinaturas

O clube de assinaturas também faz parte das tendências que vão impulsionar o sucesso de e-commerce, pois ampliam o ROI das ações de marketing e aumentam a lucratividade. Por meio desse serviço, os consumidores recebem um produto ou serviço apenas por um determinado período.

Em outras palavras, isso se traduz em certos benefícios, como público fidelizado, melhor faturamento, já que serão vendas recorrentes, diferencial no mercado e escalabilidade do negócio.

  1. Publicidade online será fundamental para atrair o consumidor online

Quando se tem uma publicidade online eficiente, ela amplifica o seu e-commerce em diversos aspectos: aumenta o engajamento do público, a conversão em vendas e, ainda, a fidelização dos clientes. 

Algumas formas de você fazer isso são os links patrocinados, isto é, os anúncios em destaque nos motores de busca, as mídias sociais, o blog, os banners e o e-mail marketing. 

Aliás, o email marketing é uma excelente forma de manter um relacionamento com os clientes, fidelizá-los e gerar novas oportunidades de venda para o seu e-commerce. Uma pesquisa da MarketingSherpa revelou que 72% dos consumidores dizem que o e-mail é o melhor jeito de receber comunicação das empresas12.

  1. Publicidade em mídia de varejo

A publicidade em mídia de varejo diz respeito à divulgação que se dá em sites e aplicativos e que é direcionada principalmente para e-commerce. Os anúncios feitos em redes sociais, por exemplo, já se tornaram a 4º principal maneira de os consumidores descobrirem um produto, serviço ou marca nova13.

  1. Vendas em marketplaces

Os marketplaces são locais online em que estão produtos de uma variedade de vendedores, sejam estes concorrentes não. Realizar as vendas nesses locais também faz parte das tendências para e-commerce em 2023, momento em que a publicidade nesses locais deverá crescer em 550%14.

  1. Big Data

Por meio de uma plataforma de Big Data, você consegue ter insights essenciais para o aprimoramento do seu e-commerce. De forma mais clara, é possível prever resultados apenas se baseando em volume de compras, navegação e padrões de comportamento dos clientes.

  1. Foco no New Retail

Ainda que possa ser confundido com o omnichannel, o New Retail é mais uma das inovadores tendências para e-commerce em 2023.

Ele diz respeito a um novo modelo de varejo que revoluciona a forma de vender e comprar, pois, além de envolver a integração online e offline, lojas físicas e lojas online, também engloba o uso de dados e a combinação de blockchain e sistemas de pagamento inovadores.

  1. Pilares ESG

O ESG é uma sigla em inglês que se refere a Environmental, Social e Governance, isto é, trata dos aspectos ambiental, social e de governança de uma empresa. Desse modo, é importante desenvolver o seu e-commerce com base nesses 3 pilares.

Você pode fazer isso por meio de práticas ambientais, como adotar uma logística reversa e embalagens sustentáveis. Pode, também, realizar práticas sociais, como ações que priorizam o bem-estar dos colaboradores que trabalham com você, e práticas de governança, como ter cuidado com a segurança de dados e a privacidade dos clientes.

Está a par das tendências para e-commerce em 2023?

Então é hora de implementá-las de maneiras estratégicas. Esperamos que esse post tenha ajudado você a entender a importância de se preparar para as tendências do e-commerce em 2023. Para mais artigos e mais estratégias para se destacar com o marketing digital, continue acompanhando o blog da Betminds!

Precisa de ajuda para alavancar as vendas do seu e-commerce? Fale com um dos nossos especialistas.

Referências

1 Mualim Fajuri, C. (2022). Dicas para gerenciamento de vendas e estoques no e-commerce - E-commerce Brasil. [online] E-commerce Brasil. Disponível em: https://www.ecommercebrasil.com.br/artigos/gerenciamento-vendas-estoques [Acesso em 15 Dez. 2022].

2 (2022). Pix pode ser o grande protagonista neste fim de ano. [online] GS1 Brasil. Disponível em: https://noticias.gs1br.org/o-pix-pode-ser-o-grande-protagonista/#:~:text=De%20acordo%20com%20pesquisa%20da,do%20com%C3%A9rcio%20f%C3%ADsico%20ou%20online [Acesso em 15 Dez. 2022].

3 Vilela, L. (2022). E-commerce: 80% dos varejistas usam as redes sociais para vender. [online] Consumidor Moderno. Disponível em: https://www.consumidormoderno.com.br/2022/03/17/e-commerce-redes-sociais/ [Acesso em 15 Dez. 2022].

4 Salgado, D. (2022). TikTok no Brasil: pesquisa revela dados surpreendentes sobre os usuários. [online] Opinion Box. Disponível em: https://blog.opinionbox.com/pesquisa-tiktok-no-brasil/ [Acesso em 15 Dez. 2022].

5 Rennie, A. and Protheroe, J. (2020). As decisões de compra são mais complexas do que você imagina. [online] Think With Google. Disponível em: https://www.thinkwithgoogle.com/intl/pt-br/tendencias-de-consumo/jornada-do-consumidor/uma-pesquisa-do-google-mostra-como-as-decisoes-de-compra-sao-mais-complexas-do-que-voce-imagina/#:~:text=Baixe%20o%20relat%C3%B3rio%20completo [Acesso em 15 Dez. 2022].

6 (2019). Quantificação do Impacto nos Negócios Causado Pelo Atendimento ao Cliente no Brasil. [online] Dimensional Research. Disponível em: https://zen-marketing-content.s3.amazonaws.com/content/resources/Zendesk_May%2027_QUANTIFICA%C3%87%C3%83O%20DO%20IMPACTO%20NOS%20NEG%C3%93CIOS%20CAUSADO%20PELO%20ATENDIMENTO%20AO%20CLIENTE%20NO%20BRASIL.pdf [Acesso em 15 Dez. 2022].

7 Plume, D. (2016). 36 statistics you need to know about the 2016 consumer. [online] NewVoiceMedia. Disponível em: https://pages.newvoicemedia.com/rs/182-ZPE-371/images/newvoicemedia-ebook-36-statistics-consumer-2016-web-us.pdf [Acesso em 15 Dez. 2022].

8 (2018). New Epsilon research indicates 80% of consumers are more likely to make a purchase when brands offer personalized experiences. [online] Epsilon. Disponível em: https://www.epsilon.com/us/about-us/pressroom/new-epsilon-research-indicates-80-of-consumers-are-more-likely-to-make-a-purchase-when-brands-offer-personalized-experiences [Acesso em 15 Dez. 2022].

9 (2022). Live commerce tem taxa de conversão superior à do e-commerce tradicional - Mercado&Consumo. [online] Mercado & Consumo. Disponível em: https://mercadoeconsumo.com.br/06/04/2022/noticias/live-commerce-tem-taxa-de-conversao-superior-a-do-e-commerce-tradicional/ [Acesso em 15 Dez. 2022].

10 Saleh, K. (2022). The Importance of Same Day Delivery – Statistics and Trends. [online] Invesp. Disponível em: https://www.invespcro.com/blog/same-day-delivery/ [Acesso em 15 Dez. 2022].

11 (2021). Drone Package Delivery Market by Drone Type, Range, Package Weight, Duration Of Flight and Application. [online] Emergen Research. Disponível em: https://www.emergenresearch.com/industry-report/drone-package-delivery-market [Acesso em 15 Dez. 2022].

12 Burstein, D. (2015). Marketing Research Chart: How do customers want to communicate?. [online] MarketingSherpa. Disponível em: https://www.marketingsherpa.com/article/case-study/customer-communication-by-channel [Acesso em 15 Dez. 2022].

13 Rodrigues, J. (2022). 95 estatísticas de Redes Sociais para conhecer em 2022. [online] Resultados Digitais. Disponível em: https://resultadosdigitais.com.br/marketing/estatisticas-redes-sociais/ [Acesso em 15 Dez. 2022].

14 Filippe, M. (2021). Publicidade em marketplaces deve crescer 550% até 2023, segundo estudo. [online] Exame. Disponível em: https://exame.com/marketing/publicidade-em-marketplaces-deve-crescer-550-ate-2023-segundo-estudo/ [Acesso em 15 Dez. 2022].

Últimos conteúdos

ver mais conteúdos

Estratégias de recuperação de carrinho abandonado

Veja algumas estratégias de recuperação de carrinho abandonado para aplicar em sua loja virtual.

27/1/2023

Vale a pena investir em redes sociais para alavancar o e-commerce?

Pra discutir sobre o assunto falamos com Franciele Krasnhak, diretora de operação do Grupo Narcel, empresa referência no setor de gastronomia

25/1/2023

A importância do rastreio de encomendas no e-commerce

Realizar o rastreio de encomendas no e-commerce é um dos fatores de sucesso nesse tipo de negócio. Entenda melhor neste conteúdo.

25/1/2023