Podcast

Desafios da logística no e-commerce – Podcast Digital Commerce

Desafios da logística no e-commerce comentados pelos especialistas Luciano Xavier, do Boticário, e Evander Cacio, do Balaroti.

Navegue pelo texto

O segundo episódio do nosso Digital Commerce - O Podcast traz para você "Os desafios da logística no e-commerce" comentados por especialistas da área.

Rafael Dittrich e eu conversamos com Luciano Xavier, diretor de logística de e-commerce do Grupo Boticário, e Evander Cacio, gerente geral de logística do Balaroti. Abrimos espaço para que, durante um pouco mais de uma hora, os executivos desses dois grandes players compartilhassem suas impressões referentes a temas relacionados à Logística.

Neste post, separei alguns destaques da nossa conversa. Interessante ver como os desafios estão presentes tanto em e-commerces de atuação a nível Brasil, como o do Boticário, quanto em marcas regionais como o Balaroti — loja de materiais de construção que conta com 30 unidades em Paraná e Santa Catarina e já dá os primeiros passos na implementação do próprio marketplace.

“A gente vem numa evolução importante e acredita que num futuro muito próximo isso vai ser muito maior do que é hoje”, diz Evander. Isso mostra a visão do Balaroti, que terá desafios de logística ainda maiores conforme seu crescimento.

Enquanto isso, a expectativa também é grande no Grupo Boticário, pois em julho deste ano eles concluíram a conexão de quase 100% de suas mais de 4 mil lojas da marca O Boticário e Quem Disse, Berenice? à sua rede omnichannel.

Vamos falar sobre os desafios?

Desafios da logística no e-commerce do Boticário

Através do Clique e Retire, o Boticário passou a fazer entregas muito mais rápidas devido ao grande número de lojas. Tornando-se uma grande referência quando falamos em omnichannel.

Acontece que há lojas do Grupo que são exclusivas para vendas diretas, ou seja, somente revendedores podem comprar. Devido à grande capacidade de estoque, algumas dessas lojas se tornam darkstores, ou seja, um pequeno centro de distribuição para compras feitas online. Portanto, a otimização logística dessa união de frentes foi feita em duas etapas:

  1. A já citada conexão das unidades à rede omnichannel;
  2. A implementação do Clique e Retire nas unidades.

No Boticário, é como se eles fossem um marketplace de si mesmos, onde os franqueados são os sellers. Como agora toda a rede está integrada, uma venda feita pelo e-commerce é faturada pela loja mais próxima ao CEP do cliente que possua o item no estoque.

Desafios da logística no e-commerce do Balaroti

O Balaroti tem a entrega express, feita em até duas horas após a confirmação do pagamento. O cliente compra pela loja virtual, o sistema localiza automaticamente a filial mais próxima que contenha o item e direciona o shipping.

Acontece que para produtos pequenos, como uma lâmpada ou um jogo de chaves de fenda, a logística não é tão complexa. No entanto, a conversa muda quando falamos de, por exemplo, azulejo — que além da fragilidade também tem a questão da quantidade para contar, separar e carregar para o caminhão.

Precisar de um caminhão para o last-mile é um dos grandes desafios da logística no e-commerce do Balaroti. Durante o nosso papo, Evander detalhou como a empresa trabalha essa questão. Em seguida, levantamos o questionamento sobre a viabilidade de investir em frotas próprias.

Vale a pena investir em frotas próprias para entregas do e-commerce?

O Grupo Boticário comprou no início de 2022 a startup catarinense Equilibrium, uma plataforma (mas não uma frota) de logística, como parte da sua meta de ser “a melhor experiência de beleza para o consumidor”, sendo a Logística a protagonista deste ecossistema.

O momento, portanto, ainda é de “um passo atrás”, nas palavras do próprio Luciano. “A gente está muito focado em trazer uma questão de experiência [...] para, daí, a gente começar a conectar mais transportadoras, inteligência e canais”.

Evander corroborou com a ideia de que contar apenas com frota própria é praticamente impossível e que o ideal é um mix. Assim, para algumas entregas é muito mais prático ter uma pequena estrutura interna de entrega, enquanto que, para outras, contar com parceiros acaba se tornando mais vantajoso.

O pilar deste assunto é o “controle da logística”. Players gigantes, como Mercado Livre e Amazon, simplesmente não encontram parceiros logísticos capazes de dar conta, de dar vazão aos pedidos diários. Por isso — e por poder contar com capital dedicado — criam suas próprias frotas para garantir o controle em todas as etapas de entrega.

A conversa foi longe

É bom demais conversar com profissionais experientes do mercado porque não falta conteúdo. Na nossa conversa, ainda falamos sobre:

  • Desafios da gestão tecnológica de logística;
  • Desafios culturais;
  • Pilares para a escolha da empresa logística parceira;
  • Detalhes sobre a divisão logística do Boticário e do Balaroti;
  • Descarbonização no last-mile;
  • Dicas de logística do Evander e do Luciano para as lojas que participarão da Black Friday;
  • e muito mais.

Se você trabalha com e-commerce ou responsável pela otimização logística, você não pode perder. O episódio inteiro, na íntegra, já está disponível e você pode assistir na íntegra abaixo ou então ouvir no Spotify.

Quer ainda mais? Então clique aqui para ouvir outros episódios do Digital Commerce - O Podcast.

E você? Quer melhorar rentabilidade do seu e-commerce através da tecnologia? Clique aqui e faça o nosso diagnóstico gratuito para e-commerce. Vamos te ajudar analisando todos os GAPs do seu e-commerce e trazendo novos insights para você alcançar resultado esperado ainda este mês.

E para mais artigos, cases e estratégias para se destacar com o seu comércio eletrônico, continue acompanhando o blog da Betminds e se inscreva no The Future Of E-commerce, a newsletter com conteúdos todas as segundas, terças e quintas direto no seu e-mail!

Últimos conteúdos

ver mais conteúdos

Black Friday Vapza: Um mês de faturamento em um dia

No dia da Black Friday, a marca teve um aumento de 464% na receita e 686% na conversão comparado ao ano anterior

6/12/2022

E-commerce: resultados da Black Friday 2022

Confira como foram os resultados da Black Friday 2022 e quais as categorias e produtos cresceram suas vendas.

5/12/2022

E-commerce: vendas globais devem aumentar em 15% com as festas de fim de ano

A expectativa é que o e-commerce aumente as vendas de fim de ano em até 15%.

5/12/2022