E-commerce

Economia circular: Como implementar essa estratégia no seu e-commerce

Entenda o que é economia circular, os benefícios deste modelo para o ecommerce e as principais estratégias que podem ser adotadas para implementá-lo.

Navegue pelo texto

A sustentabilidade é fator-chave para a competitividade das empresas. Para se ter uma ideia dessa importância, um estudo do Boston Consulting Group descobriu que 89% dos consumidores brasileiros se preocupam com a sustentabilidade.

Nesse contexto, um conceito surge com força e vem sendo incorporado rapidamente pelas empresas: a economia circular. A ideia é proteger o meio ambiente a partir da redução do consumo, do desperdício e dos descartes.

A seguir, vamos entender melhor este conceito e como ele se aplica ao ecommerce. Acompanhe!

O que é economia circular?

Economia circular é um modelo relacionado à produção e consumo que se contrapõe ao sistema linear tradicional. Em vez de "produzir-processar-consumir-descartar", a economia circular propõe um ciclo contínuo de reutilização e reaproveitamento dos recursos, reintroduzindo-os na cadeia.

Importante destacar que isso vai muito além da reciclagem. Trata-se de uma abordagem que busca reduzir a extração e o descarte (as duas pontas do modelo linear), transformando o que seria resíduo em recursos.

Benefícios da economia circular no ecommerce

Os ganhos da economia circular para a natureza ficam claros quando conhecemos o conceito. Afinal, ao reduzir a extração e o descarte, protegemos os recursos naturais e reduzimos o impacto ambiental e a poluição associado à geração de resíduos.

Mas como a economia circular pode beneficiar o ecommerce? Destacamos algumas dessas vantagens:

  • Redução de custos: por meio da eliminação de resíduos, as empresas conseguem economizar recursos. Um exemplo é a reutilização das embalagens para envio ou o reaproveitamento dos itens devolvidos.
  • Melhor reputação da marca: como sabemos, a sustentabilidade está em alta e vem ganhando importância como estratégia central das empresas. Nesse sentido, a adoção de um modelo de economia circular pode tornar o ecommerce mais atraente para clientes, parceiros e investidores.
  • Maior satisfação do cliente: se o objetivo é reduzir o descarte, então podemos concluir que, na economia circular, os produtos são feitos para durar mais. Portanto, além dos ganhos por conta das práticas sustentáveis, esse modelo ajuda a fazer os clientes mais satisfeitos com os produtos que consomem.

Estratégias para implementar a economia circular no ecommerce

Para quebrar o modelo linear e criar um ciclo de produção-processamento-consumo-reutilização, o ecommerce pode adotar algumas estratégias. São elas:

Embalagens reutilizáveis

O uso de materiais recicláveis e reutilizáveis nas embalagens dos produtos ajuda a reduzir a quantidade de resíduos gerados.

Programas de devolução

Instituir iniciativas para devolução e reciclagem de produtos é outra medida que diminui os descartes. Nesses programas, os clientes podem devolver os produtos que não usarão mais (de roupas a móveis e eletrônicos) para que a empresa possa reaproveitá-los. Um exemplo é o uso de componentes de eletroeletrônicos como peças de reposição.

Produtos feitos de materiais sustentáveis

Com o propósito de evitar o sobrecarregamento do meio ambiente, a aposta em produtos feitos de materiais reciclados e sustentáveis também vai ao encontro das estratégias de economia circular no ecommmerce.

Assim como os programas de devolução, isso pode ser um grande chamariz de novos clientes, além de incentivar outros consumidores a preferir escolhas mais sustentáveis.

Produtos com maior durabilidade

Como vimos, oferecer produtos mais duráveis, que reduzam a rotatividade, o consumo e a extração de matérias-primas, também é uma medida que pode ser adotada.

Outra alternativa são itens que já são pensados de forma a serem reaproveitados no futuro.

Economia do compartilhamento

Mais uma vez na linha de reduzir o consumo desenfreados, que leva ao esgotamento de recursos, incentivar o compartilhamento entre os usuários é outra forma de se alinhar à economia circular.

E por mais que isso pareça ir contra a própria lógica do negócio, esta ação foca na construção de relações duradouras com os clientes e de uma verdadeira comunidade ao redor da marca.

Case: Moda circular em ascensão: Como a Troc e a Lug it estão revolucionando o e-commerce brasileiro

Para aprofundar nesse assunto, no Digital Commerce - O Podcast conversamos com Luanna Toniolo, eleita pela Bloomberg uma das pessoas mais influentes da América Latina, e CEO da TROC, startup de moda circular e o maior brechó online do Brasil, criado em 2017 e que desde 2020 faz parte do Grupo Arezzo & Co, e Nathalia Isabele Souza, Founder da Lug it, Closet compartilhado on-line, criado em 2022 e que tem como tema use sem precisar comprar!

Aperte o play e confira o episódio na íntegra!

E se você precisa de ajuda para desenvolver estratégias para a sua empresa e melhorar as suas vendas, fale com a gente!

Acompanhe também a Betminds nas redes sociais: nós siga no linkedin, no tiktok e no Instagram.

Últimos conteúdos

ver mais conteúdos

Dia dos Namorados de 2024: Vendas Online Crescem 23%

O Dia dos Namorados de 2024 se mostrou um marco significativo para o e-commerce brasileiro, registrando um aumento expressivo de 23% nas vendas online comparado ao ano anterior.

20/6/2024

Live shopping: saiba como realizar vendas ao vivo

Neste episódio do Digital Commerce, conversamos com a responsável pelo e-commerce da PatBO, case sucesso mundial de live commerce.

18/6/2024

Como construir a confiança da marca 

A confiança é uma parte fundamental da natureza humana, e isso se reflete no comportamento dos consumidores. Saiba mais!

13/6/2024